sábado, 28 de abril de 2007

Jack White, ou: A Maior Farsa Americana


Existem artistas na música pop que adoram atirar para todos os lados, a chamada "versatilidade musical". Não contentes com os seus trabalhos nas suas bandas principais, eles se embrenham em projetos paralelos que possam alimentar as suas almas ávidas por intercãmbios com estilos, gêneros e propostas diferentes, na esperança de poderem evoluir como instrumentistas e compositores. Gente como o Damon Albarn, Dave Grohl, John Frusciante, Elvis Costello, os dois primeiros por não terem lá muita confiança no taco das suas bandas principais, muito por culpa deles próprios, o terceiro por querer recuperar o tempo que perdeu se drogando na década de noventa inteira até ser resgatado no limbo pelos Chili Peppers, e o quarto, por ser realmente talentoso, se aventurou até na música clássica, com dignidade. Todos esses citados possuem, em maior (no caso de Costello) ou menor escala, capacidade o suficiente para não passarem ridículo nas suas empreitadas, e nem sempre contam com a proteção dos críticos.

Mas nenhum deles conta com um respeito tão grande por parte da crítica musical quanto um certo músico de Detroit, venerado e requisitado guitarrista e produtor, e membro de duas bandas importantes no cenário musical: um tal de Jack White. Líder do White Stripes, duo que mantém junto da ex-mulher e raimunda (feia de cara mas fica muito bem com shortinhos apertados) Meg White, a qual ele dizia ser sua irmã no começo da banda, numa tosca e imbecil jogada de marketing. E a outra banda, bem mais nova (o Stripes existe desde meio da década de noventa e já tem 5 discos na bagagem), com os Raconteurs, banda que criou com 3 expoentes da música alternativa yankee.

O White Stripes vai lançar disco novo nesse ano e sair em turnê. Até aí, tudo bem, faz 3 anos que a banda não lança nada. Mas aí, vem a notícia de que, ao mesmo tempo que se prepara para a turnê, o Jack White já gravou 12 músicas com os Raconteurs, para lançar um disco no ano que vem. Isso é o que eu chamo de fogo no rabo. Nem bem gravou disco novo com uma banda, já grava com a outra, aí sai em turnê com uma, ai acaba a turnê e seguidamente, lança disco com a outra e sai de novo em turnê. Aí fica fácil ver porque, em todos esses duzentos discos com os Stripes e no que fez com o Racouters, só tenha sáido porcaria.

O Raconteurs é impressionante, todas as revistas e sites de música elegendo Steady As She Goes com uma das melhores do ano, uma musiquinha tosca, com uma letra vergonhosa e uma guitarrinha distorcida no refrão que enganou meio mundo. Porcaria. Como todo o resto do disco, popzinho safado sem qualquer diferencial, a não ser a voz desagradável de White e as suas firulas guitarrísticas inúteis (depois falam que o Slash é farofa). Já a obra que pariu com os Stripes (ele tocando guitarra e a Meg White maltratando a bateria), cinco discos que se voce juntar, não dão um. Rocks safados alternando tentativas de imitar o estilo esporrento dos Stooges, ou tentativas de imitar os riffs do Jimmy Page, ou tentativas de imitar o alt-country dos Joshs Rouses da vida. Jimmy Page, Stooges e Josh Rouse, tudo a ver. Só podia sair merda mesmo. E com uma baterista que faz qualquer um ter esperança de tocar, afinal se ela pode, até um cachorro aprenderia também, fica tudo mais difícil. E sem baixo, o que alguns críticos tonhos acham a maior inovação musical da história da humanidade, mas que, como efeito prático, somente ajuda a tirar das músicas qualquer tipo de senso rítmico. No ultimo disco, ele até tentou diversificar o som, tocando marumbas, escaletas e chocalhos, e fazendo várias músicas somente no piano. É o que faltava mesmo, quando se apela para o Elton John, é porque a coisa tá feia. Outra porcaria inominável. Quinze anos de carreira, e não saiu ainda uma música que preste. UMA. Seven Nation Army? A música favorita de comerciais de bancos? Não, obrigado. Mas sempre vai ter um crítico babando em cima desse enganador. Ponto para a Reneé Zelwegger, que deu um belo pé na bunda nele. É que não se pode conseguir enganar todo mundo 24 horas por dia. Uma hora, alguém ia perceber.

38 comentários:

  1. hahahahahahahaaaaaa! XD é isso! é isso, cara! Todo mundo acha esse White e os projetos dele uma grande revolução musical. eca! Sem contar aquela Meg que transforma qualquer bateria em caixa de papelão. É deplorável! Por falar nisso, onde foi que aquela maluca aprendeu a tocar?! (Nem aprendeu, como todo mundo já sabe, só sentou no banquinho e entrou de metida a musicista) Eles, os babões por aí, podem até achar o som dos White o máximo, sinal de que ouvido acostumado com porcarias, feitas mais à base de estúdio de gravação e super PC's do que de habilidades próprias, só sabe reconhecer lixo. Eu nem me preocupo com as críticas desses caras, nem me preocupo em esperar alucinado por mais uma do White Stripes porque, definitivamente, nem pra toque de celular eu desejo que alguém tenha (alguém em santo juízo, claro). Pra completar e justificar a minha "perseguição" (haha), a prova maior de que a banda nem chega perto: 1. Jack White dá uma de multi-instrumentista e nem consegue passar do básico pra guitarra, se fosse digno de tanto "oba! oba!" ele saberia fazer melhor que uns riffs em 3 ou 4 acordes, ou seja, isso não é nada "revolution". Todo roqueiro decente já viu esse filme antes nos finais dos 70's com os Punks. 2. As vozes são horríveis! (hey, Jack, Robert Plant só tem um, não adianta imitar, e nem pra vocalista de Heavy você serve)Aviso: Nunca fique perto do "lindo" som da voz de Meg
    3. Já colocado antes: a bate... aham! a...o... o "projeto do horror", colocarei assim, condenou o uso de um dos mais fantásticos instrumentos que uma banda de Rock pode ter. Só como exemplo, caras como John Bonham devem ter morrido de novo depois que essa louca inventou de tocar.
    4. Os discos são sempre aquela conversa repetida, nos moldes de sempre; nada novo.
    5. Inventa de fazer uns Blues e faz o pior lixão com o "papai do Rock". Esse cara precisa ir ao Memphis e aprender a tocar de verdade com os coroas de lá, gente anônima e em grande parte autodidata, muitos deles nem sabem direito o nome das notas musicais mas tocam divinamente bem.
    E viva o Rock de verdade, feito de jeitinho que for, seja indie, seja altervativo ou qualquer subgrupo desses, mas feito por artistas com qualidade; qualidade em letra e voz, em saber tocar e ousar com determinação e objetivo, com gosto e tesão pelo Rock!

    PS: Jack White e sua careta de bunda de velho morto hahaha
    chapeuzinho tipo "Frank Zappa"... queria ele passar perto da genialidade do Maestro Zappa, esse sim era f*** em tudo e nunca teve o respeito que merecia.

    ResponderExcluir
  2. http://www.youtube.com/watch?v=2vYlHTGsmso

    ResponderExcluir
  3. Todo grande músico foi críticado em sua época, é natural que existam pessoas idiotas, burras e imbecis como os donos deste blog para criticarem dessa forma.
    Jack White é um gênio, gostem vcs ou não, e esse blog é uma porcaria, as bixas que escrevem nesse blog não sabem porra nenhuma de música, sinceramente dá pena.
    A inveja faz coisa viu...

    ResponderExcluir
  4. Concordo com o anônimo. Cara, tu fala, fala e não diz nada. Me arrependi de ter perdido tempo na minha vida lendo um texto enorme que só repetia as baboseiras a cada linha. Jack é um gênio, sabe até em quem bater. E que faça contigo que nem fez com o baitolinha lá do von bondies, que tu tá merecendo, hahahaha. http://www.rockwave.com.br/internotas/mostra_internota?internota_id=9350

    ResponderExcluir
  5. Achei suas criticas bem infundadas, tudo bem não achar o Jack um gênio, acho que falta muito para isso, mas falar que seu trabalho como musico não presta é uma grande baboseira. Jack White é sim um bom musico. Só não devomos puxar saco demais e nem ser ignorantes demais para não reconhecer seu talento.

    ResponderExcluir
  6. aposto que as bixas que escreveram isso se acham a tendência

    ResponderExcluir
  7. isso é ridículo e realmente ele é um ótimo músico,pois é autêntico.A pessoa que disse isso esperava o que? Que ele se encaixasse em mais um rótulo?porque rótulo é o que não falta,não é mesmo?
    Ridicularizar o White dessa forma é patético,até porque a banda em si é muito boa,queira ou não.Eu fico feliz em saber que suas críticas não valham nada e não muda o sucesso merecido deles.

    ResponderExcluir
  8. MUSICO FRUSTRADO RECALCADO DETECTED.
    Seven Nation Army musica de banco???
    É pra rir da sua cara agora ou espera um pouco??
    hahahaha

    ResponderExcluir
  9. Acidez à lá Liam e Noel Gallagher já foi amigão, tenta ser mais original e menos charlatão na próxima.

    ResponderExcluir
  10. Uma critica simplesmente lamentavel...

    ResponderExcluir
  11. A opinião dos membros da comunidade do White Stripes no orkut é muito importante. A menina que linkou o meu texto, que já tem dois anos, tomou uma atitude admirável. Por favor, continuem comentando aqui, já que eu simplesmente morreria sem saber o que vocês, que têm toda a isenção do mundo para falar, acham dos meus textos mal escritos e tudo mais. E ao brilhante João Pedro, que está mandando esse texto ridículo para os seus amigos fãs da banda nos scrapbooks, e que também é fã do Metallica (eu também era, mas ai fiz 12 anos de idade e percebi que era meio ridículo e tal, mas beleza), aponte os erros de grafia nos nomes das bandas, por favor. Mas continuem, coloquem no talo Hotel Zorba ("que cara mané, errou a grafia, é Hotel Yorba, que babaca!) e defendam o seu ídolo. E para a Aline Schmidt eu tenho apenas uma pergunta: o quão longe é a Finlãndia? Ou é apenas um "estado da mente"? Mas eu concordo com você, o texto é mesmo "lamentável, meu! Mó babaquice, meu!". Beijos para as meninas.

    ResponderExcluir
  12. Cara, tu tem certeza que fez 12 anos?? kkk...se sim, foi ontem!

    Cresca, aí sim tente aparecer!

    ResponderExcluir
  13. Ei Fera, por que tu não faz melhor que ele ?

    ResponderExcluir
  14. Estuda mais sobre música cara,
    aprenda a tocar guitarra, e tenta tirar todos os timbres e músicas que o Jack white fez, que você vai mudar sua opinião.

    é como falar que "The Edge é melhor que Jimmy Page" são guitarristas totalmente com pegadas diferente que rovolucionarão.

    vai falar agora que os Beatles que deram a idéia de colocar aquelas franjas e colocar um uniforme no
    começo de carreira porque eles gostavam. as coisas não são bem assim amigo.

    você precisa estar mais informado das coisas cara, em vez de ficar com essa bunda sentada na frente do pc escrevendo porcaria e fazendo nada, faz melhor que ele.
    e Jack White é um ótimo músico sim,
    pessoas que tem "inveja" da outra, são pessoas que não são capazes de fazer melhor.

    Cara, rock é rock meu, não adianta ficar comparando artistas com artistas, e quem é melhor. não existe isso.

    ResponderExcluir
  15. nunca li tanta merda de uma vez só na minha vida

    ResponderExcluir
  16. Aonde a IGNORÂNCIA leva as pessaos!!
    Isso não é uma crítica, é um LIXO!
    não precisava se rebaixar a tamanho nível de ridicularidade. Eu sinto nojo de quem escreveu esta BOSTA!!

    ResponderExcluir
  17. Eu não ia me dar ao trabalho de comentar, pq essas discussões não levam a muitos lugares. Alguém disse aí que tem ouvidos acostumados com músicas feita em pc's...
    Bom, Jack grava num estúdio que parou no tempo algumas décadas atrás e passa longe de pc's. Não me lembro qual foi o disco, mas ele gravou um dos discos da sala da casa dele, com um gravador de tape. O white stripes é um projeto minimalista e tanto jack qnt meg tem noção de que ela toca mal pra caralho, aliás... ela não toca mal, ela marca bem o tempo, o que não é difícil. Jack mesmo diz que é isso mesmo, pq o White Stripes é uma banda minimalista por excelência.
    Multiintrumentista ou não, jack tem um jeito particular de tocar guitarra ainda mais levando em consideração que ele tem um dedo debilitado por conta de um acidente de moto. Ele toca os acordes de um jeito diferente. Eu não sei se o bloggeiro sabe tocar guitarra, mas se sabe, gostaria que tentasse tirar o solo de "ball and biscuit". Sinceramente, é fácil, tanto falar que o cara é um gênio, quanto falar que o cara é um idiota. Eu queria que alguém mostrasse fatos mesmo. Não sei se o que a mídia fala do WS é sucesso sem merecimento, até porque eleger melhores nisso ou naquilo já é por si só uma atitude tapada. Não sei qual é o seu conceito de música, mas saiba que existe um estilo musical chamado embolada. Em que o músico toca um pandeiro e canta, e é só. O WS é uma banda que manteve o seu estilo quase intacto desde o primeiro álbum. Ganhou destaque na mídia, e continuou com o estilo deles. Uma coisa é fato... se vc escutar no radio WS, vai saber que é WS.
    Se tocar blues é imitar o pessoal de tal lugar eu não sei, mas jack white tem um estilo dele. De usar drones, Jimi fazia isso também. De usar o Whammy. Minimalista até o osso, ele diz isso. Quando escuto Rac. eu sei quando o solo é do cara. Ele quer que a música dele seja assim, talvez por isso incomode tanto. Pra mim ele não é gênio, nem o melhor guitarrista, mas ele tira a onda minimalista dele em todos os instrumentos que ele se dispõe a por no WS ou em outro projeto. Ele mesmo diz que com o WS quer contar histórias. E quanto a música ser boa pela quantidade de acordes... converse com Geraldo Vandré. WS aponta para o passado, e toca suas influências do jeito que gosta. Eu não consigo entender como alguém é uma farsa quando afirma tudo o que é. Não ter baixo não é uma inovação, apesar de os duos conteporâneos quererem mirar no futuro, o blues tem muitos exemplos assim. Jack sabe disso, tanto é que usa o Whammy pra oitavar pra baixo, compondo a linha mais baixa dos riffs. Ele não disse que era uma idéia inovadora.
    Jogada de marketing ou não, o lance com meg funcionou, e aí? Eu só quero que a crítica tenha informações mais fáticas. Acho que vc pensou demais no que a mídia diz da banda. Ou especulando que as possíveis semelhanças sejam imitação. Cara, vc deve tocar muito piano também... pra falar que Elton John é um merda. Pode ser meloso, gay a porra toda, mas o cara toca bem. É isso...

    ResponderExcluir
  18. Q blog ridiculo...
    qndo o dono desse blog tiver uma banda e tentar fazer uma musica ele vai dar mais valor a musica ...
    esse tipo de pessoa q se perguntam qm é beethoven?

    ResponderExcluir
  19. Essa discussão, assim como tudo o que envolve o nome Jack White, está fascinante. Bocejos. Mas tudo isso serviu ao menos como uma espécie de nostalgia. Como eu escrevi o texto em 2007, percebemos então que era uma época na qual ainda valia a pena escrever mais de duas linhas sobre o Jack White, mesmo que sendo para criticar. Bons tempos aqueles. Hoje, as 10 pessoas que ainda se importam com ele ou ainda acham que vale a pena acreditar no seu talento estão aqui, descendo a lenha em mim. Descanse em paz, Jack White.

    ResponderExcluir
  20. Agora piano é sinonimo de elton john?Voce já ouviu pelo menos uma musica do elton??
    Cara, ou voce é retardado(digo no sentido de pessoa com problema mental, nao no pejorativo) ou voce nunca ouviu mais do que um cd de TODAS as bandas e artistas que voce citou.

    ResponderExcluir
  21. voce eh retardado, tanta gente merda pra falar mal e tu escolhe logo um dos caras que mais faz um trabalho qualidade no cenario rock/blues. so porque voce nao gosta dele? blog fraco.

    ResponderExcluir
  22. Putz grila, eles aparecem de todos os lados! Mas pelo menos esse último tem um nome altamente respeitável. Depois de termos de aturar o Copper Kid, o Freaky, o Gabryel (é numerologia?), o Dmitri e a Aline Schimdt, é sempre bom poder ter a contribuição de um sujeito com um nome tão pomposo e das antigas como Hugo Roberto. Alguém com um nome de tal garbo não pode ser um mau rapaz. Obrigado pela contribuição, Senhor Hugo Roberto, e esperamos mais participações suas por essas bandas.

    ResponderExcluir
  23. "Camarada Progressista"...
    Se formos analisar o seu "nick", voce me parece um adolescentezinho bunda mole tentando pagar de politizado.
    Volta pro aconchego da vovó, por que de musica voce nao entende patavinas.Bebe chorao.

    ResponderExcluir
  24. Maldito seja o pc do milhao e os programas que fazem as crianças acharem que sao genios.

    ResponderExcluir
  25. Criticar pra aparecer é definitivamente rídiculo,ainda mais da forma posta aqui. Vc é definitivamente deprimente. Obrigada me levar a certeza de q pessoas do seu tipo são verdadeiros babacas.

    Continua com essa inutilidade q é o seu blog.Pq futilidade gratuita dá ibope,porém dura pouco.

    ResponderExcluir
  26. Viva Jack White! Viva Meg White! Viva Raconteurs e Dead Weather! Vc conseguiu: chamou a atenção que queria! Jack White é ultraprodutivo por ser talentoso o suficiente para trabalhar com diversos projetos e artistas a seu bem entender, e quem ganha com isso são os fãs. Crítica ruinzinha a sua hein?

    ResponderExcluir
  27. Talvez ele queira o telefone da record, pra entrar no proximo "a fazenda".

    ResponderExcluir
  28. Não sei não, mas parece que hoje vai chover. Vamos ver.

    ResponderExcluir
  29. Sempre que não temos algo de util e inteligente pra falar falamos sobre o clima, já perceberam?

    ResponderExcluir
  30. Ok, molecada, o negócio é o seguinte: foi muito divertido brincar aqui com vocês, embora vocês não tenham se comportado como deveriam, sendo malcriados e tudo mais, mas eu cansei de bancar a babá. Até papai e mamãe chegarem, deixarem vocês sozinhos ao Deus-dará aqui. Mas antes de sair, quero apenas realçar uma opinião: Jack White sucks. E não aceitar que alguém pense assim e querer empurrar goela abaixo dessa pessoa as suas opinões na base do "você é feio, chato e bobo por não gostar de White Stripes" é fascisminho, crianças. E ninguém é obrigado a compactuar com isso. Arriverdeci, e boas discussões lá na comuna.

    ResponderExcluir
  31. "Jack White sucks"
    Que linguajar mais "teenager" pra um "camarada progressista".

    ResponderExcluir
  32. faz melhor então, seu músico de restaurante.

    ResponderExcluir
  33. Ahh, Jesus, José, e Maria Preá...
    O cara, sim, é um gênio (mesmo que isso já tenha aparecido duzentas vezes nesse post), e consegue fazer um som, que nem mesmo quartetos, e quintetos, conseguem alcançar...Bah...pra quem gosta de merda, isso foi um prato cheio ¬¬..

    ResponderExcluir
  34. Bom é o quê? nxzero? Aquelas bandinhas toscas da disney? Primeiro, amigo, analise o cenário musical em que Jack White está inserido... e fundamente suas críticas... vc nos acusa de tentar lhe enfiar goela abaixo o nosso gosto... mas o que vc está fazendo? Falando de forma chula de alguém que vc não gosta querendo nos fazer não gostar dele também... e querendo criar uma polemicazinha (o que, desculpe-me a indelicadeza, é coisa de gente entediada com sua vida medíocre). Pois bem, conseguiu a parte da polêmica. Já ouviu falar que gosto não se discute? Pois é, isso é sério. Se ao menos vc dissesse algo do tipo 'eu não gosto de Jack White por isso, isso e isso', tudo bem, é aceitável. Mas afirmar que ele é a maior farsa americana... me desculpe, mas vc fez até gente que não gosta dele e seu trabalho, rir de vc. Mas é por isso que o mundo está assim, afinal... as pessoas falam mal de qualquer coisa à toa, na esperança de tentar ofender outros, de graça. E é lendo este tipo de coisa que nós jornalistas vemos o quanto é importante saber argumentar e estudar sobre tudo que falamos, sem ofender ninguém com nossas opiniões e argumentações. Fica a dica.

    ResponderExcluir